Crítica de Sonic: O Filme, que surgiu com um visual estranho, mas após um processo de remodelação, entregou algo muito fofo.

Nesse vídeo, Artur Andrade comenta porque o filme funciona e consegue ser emocionante, além de ter o Jim Carrey solto e maravilhoso.

Deixe nos comentários se você era time Mario ou time Sonic.

Se você ainda não faz parte do canal, inscreva-se para não perder os próximos vídeos!

ESCUTE MEU PODCAST TÊNIS VERDE:
Spotify: https://spoti.fi/2EvgkTz
iTunes: https://apple.co/2EPzIuU

ME SIGA NAS REDES SOCIAIS 😀
Twitter: http://twitter.com/sr_artie
Instagram: http://instagram.com/sr_artie

‘SONIC – O Filme’ é uma aventura live-action baseada na franquia mundial de vídeo game da Sega que conta a história do ouriço azul mais famoso do mundo. O longa segue as aventuras de Sonic enquanto ele tenta se adaptar à nova vida na Terra com seu novo melhor amigo humano, o policial Tom Wachowski (James Marsden). Sonic e Tom unem forças para tentar impedir que o vilão Dr. Robotnik (Jim Carrey) capture Sonic e use seus poderes para dominar a humanidade.

Dirigido por Jeff Fowler, escrito por Pat Casey e Josh Miller, e produzido por Tim Miller (Deadpool) e Neal H. Moritz (Velozes e Furiosos), além de Toby Ascher, Toru Nakahara, Takeshi Ito, Hajime Satomi, Haruki Satomi, Masanao Maeda e Nan Morales, o filme traz no elenco Jim Carrey, James Marsden, Tika Sumpter e Ben Schwartz, como a voz do Sonic, que no Brasil será dublado por Manolo Rey.

O Bilheterama é um canal com vídeos sobre os principais lançamentos de filmes nos cinemas e análises de séries e episódios.

Artur Andrade

Author Artur Andrade

Falando sobre cinema na internet desde 2010. Mas cada dia aprendendo ainda mais :D

More posts by Artur Andrade

Leave a Reply